Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]



O que é que as mulheres dizem que os homens nunca entendem?

por reporterdesaltosaltos, em 04.10.10

Regresso com o tema que me tem dado que pensar e que já tinha prometido explorar há uns tempos. Será que os homens têm razão e as mulheres são mesmo muito complicadas? Somos diferentes é certo, mas somos assim tão diferentes? Afinal o que é que as mulheres dizem que os homens nunca entendem?

 

Segue um dicionário de palavras e atitudes que ajudam a simplificar o mundo e a mensagem das mulheres…

 

Sim - com um sorriso - é mesmo sim!

Sim - sem sorriso - é não!

Não imediato ou com os olhos arregalados – é não!

Não entre dentes – é um não e já a controlar o ímpeto violento

Não hesitante – é um talvez!

Talvez – é não

Não sem qualquer expressão – é um sim

 

Querem exemplos?

 

Pois bem…

 

H - Querida queres ajuda?

M – Não obrigada!

Tradução: Se quero ajuda? Mas será que estás a brincar? Ou que te achas um lord? Eu não sou a escrava Isaura! E quem quer fazer faz! Não pergunta!

 

Se estiver com tpm ainda acrescenta (isto tudo mentalmente é claro)

“A tua obrigação era estar ao meu lado a picar a porra da cebola desde que chegaste a casa! E mesmo que estivesse a dar a bola, o mínimo que podias fazer por mim era ficar aqui na cozinha a conversar! Ou calado! Mas a ouvir com atenção a minha lista interminável de ridículas peripécias diárias!”

 

 

 

Outro exemplo…

 

Ok as mulheres, por mais confiança que tenham, chega uma certa altura em que lançam a armadilha “Este vestido fica-me bem?” O que nós queremos é que com  um sorriso de orelha a orelha e olhos nos olhos – o mais importante – o homem diga “Estás incrível!”. E suspire! Cinco segundos de verdadeira atenção é o que basta! Nessa mesma noite (senão ali mesmo) o homem acabou de ganhar um encontro escaldante!

 

Continuando…

 

Se uma mulher diz/quer dizer

 

Não é bem assim / Ou fazes como eu quero ou vais ter problemas! Ai vais vais!

 

Nós queremos (muito frequente em lojas) / Eu quero até porque ele não percebe nada disto…

 

Faz o que te apetecer / Não faças exactamente o que eu quero que vais ver como é que elas te mordem!

 

Temos de conversar / Ai vais ouvir tudo! O que queres e o que não queres! Eu não me chame xxxxx senão te digo tudo como os malucos!

 

Tens todo o meio apoio / Não quero que faças nada disso! Estás a cometer um erro! Mas será que tenho de explicar tudo?

 

Eu não estou zangada /E não estou! Estou é completamente piursa e tu vais ser bem castigado!

 

Engordei uns quilinhos / Diz imediatamente que eu estou louca e pareço anoréctica! Estúpido!

 

Eu vou-me arranjar mas não demoro / Essa era boa! Eu demoro o tempo que precisar. Ainda por cima é tudo para te ver feliz!

 

Não percebes nada do que eu digo / Nem precisas! Só tens de concordar com o que eu digo como se fosse decreto de lei!

 

Eu não estou irritada / Ai eu atiro-te com serviço Vista Alegre! Ai atiro atiro!

 

Não estou a gritar!!!! / Respira fundo senão em vez dos pratos atiro-lhe com o faqueiro! Peça a peça!

 

Parece-me boa pessoa / Boa pessoa? Como era aquela música? Deixa-me rir... Sim é isso mesmo! Como é que só tu é que não topas gente falsa?

 

Amas-me? / ESTÚPIDO! Eu não devia ter de perguntar! Devias dizê-lo de 5 em 5 segundos! Pelo menos!

 

A tua família é simpática / Tenho a certeza que não gostaram de mim! Principalmente a tua mãe! Investiga e conta-me tudo!

 

A tua irmã/prima/tia é uma querida! / Nunca nos vamos dar bem! Que cabra!

 

Gosto da tua amiga / Só tenho de descobrir o que é que ela já teve contigo, depois criar um plano simples e eliminá-la da tua vida de vez! Sem deixar rasto… hahaha (gargalhada maquiavélica)

 

Sim o teu amigo é simpático… / Não gosto dele e acho que me olhou para o decote. Tens ali um amigo! Ui!

 

Gostei do teu amigo / E não é que gostei mesmo? Até sou capaz de ter uma amiga para ele!

 

Adorei o teu pai! / Encontrei o maravilhoso ponto de partida da tua genética e já posso dormir descansada!

 

Adorei os teus avós / Estou encantada por teres um exemplo de família de relações duradouras. É que um bom exemplo faz sempre bem!

 

Gosto de te ter em minha casa / Gosto mesmo. Só não gosto dos teus pêlos espalhados pela casa. E já agora vê la se me arranjas o micro-ondas

 

Está descansado que nunca tive nada com ele / Claro que tive mas já foi há muito tempo e já nem me lembro bem. Além disso, não teve importância nenhuma!

 

Adoro filmes do Jackie Chan / Gosto relativamente de comida chinesa…

 

Tens toda a razão / Isso… Jamais em tempo algum!

 

Não! Esta pago eu! / É bom que insistas! Senão como é que eu sei tens capacidade para sustentar uma família?

 

 

 

 

 

 

Este assunto dá “pano para mangas” como se costuma dizer. É óbvio que exagerei um bocadinho mas sem humor a vida também não tem piada… Eu acho que somos criaturas bastante simples. Basta interpretar tudo sempre partindo do princípio que é uma armadilha. E responder sempre pausadamente, olhos nos olhos, com muito paciência e, se conseguirem, com um sorriso enorme. Para nos fazer acreditar que por maior que seja a nossa "burrada" vocês até acham graça…

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 23:51


Mais sobre mim

foto do autor


Arquivo

  1. 2016
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2015
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2014
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2013
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2012
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2011
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2010
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D