Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]



I say a little prayer for you!

por reporterdesaltosaltos, em 28.09.11

Sempre tive um relacionamento muito particular com a religião. A minha família é católica não praticante (aliás muito não praticante) mas eu até fui baptizada. Não fiz catequese, mal sei rezar e na verdade também não sinto que precise de o fazer. Durante anos fui católica passiva e apreciei apenas o lado bom. A festa de Natal e a Páscoa! O resto, sinceramente, não me interessava nada.

 

Quando tinha cerca de 12 anos, o meu avó Jacob faleceu. Pela primeira vez sofri uma brutal quebra de fé que nem sabia que tinha. Não percebia o que tinha feito de mal para ser castigada daquela forma. Fiquei revoltada com Deus, fosse lá Ele quem fosse. Como é que Ele me podia estar a roubar uma das pessoas mais importantes da minha vida? Ele não podia fazer coisas más caramba! Não posso acreditar num Deus castigador. Se ele existe, tem de ser bom. Só bom!

 

A dor foi diminuindo, o trauma foi passando mas nunca mais vi Deus da mesma forma. Andei esquecida Dele durante uns tempos até ter o meu acidente. E aí, tendo em conta a situação, dei por mim a rezar a todos os santinhos (vulgo a expressão). Fez-me ponderar todas as religiões e todas as orações. O que eu queria era ficar bem. Se Deus era branco, preto, amarelo ou encarnado, isso a mim não interessava nada! Fiquei bem é verdade, mas também nunca soube a quem agradecer – afinal rezei a todos. A minha imensa tenacidade é culpada sim senhor. Mas acredito que algo superior a mim, me ajudou nos piores momentos. Quem? O quê? Não sei...

 

 

 

 

 

E não preciso de saber. É das poucas coisas na vida em que posicionar-me claramente não é uma preocupação. Existem tantas religiões, com tantas verdades e filosofias de vida que não faz sentido escolher apenas uma. Todas têm coisas boas e más. Todas têm coisas com as quais concordo e discordo em absoluto. Já que não consigo escolher nenhuma em particular porque não hei-de absorver o melhor de cada uma? É esta a minha posição. E todas as manhã (desde há uns meses) faço a minha oração... Tenho uma pulseira com contas e por cada uma delas, faço um agradecimento. Digamos que é uma espécie de “reminder” pelo divino da minha vida. Por tudo de bom que tenho, tive ou irei ter (antecipo o futuro) na minha vida.

 

"Reza" assim:

 

Obrigada por ser quem sou (gosto de mim, qual é o problema?)

Obrigada por ter acordado (há quem não chegue a acordar)

Obrigada por estar viva, cheia de energia e com muita saúde (é tudo o que precisamos para vencer)

Obrigada por ter os dois braços, as duas pernas, os dois pés, as duas mãos e os dedos todos (podem rir-se há vontade mas há quem não tenha...)

Obrigada por ver, ouvir e falar (sabes que há pessoas que não podem fazê-lo, certo?)

Obrigada pela minha família e amigos terem boa saúde

Obrigada pela minha família (temos de a aceitar como é e há quem não tenha nenhuma)

Obrigada em especial pela minha mãe e pela minha sobrinha (que me “obrigam” a ser melhor todos os dias)

Obrigada em especial pela minha avó Amélia e pelo meu avô Jacob (que me inspiram todos os dias, a ser tenaz, a ser mais bondosa)

Obrigada pelas minhas muitas e fantásticas amigas (são todas muito importantes para mim)

Obrigada pelos meus amores, passados, presentes e futuros (o contributo de cada um fez-me crescer de alguma forma)

Obrigada por tudo o que conquistei na minha vida profissional (gosto muito de trabalhar e orgulho-me muito de ter subido a pulso)

Obrigada pelas imensas vitórias da minha vida.

 

Deixo sempre o último agradecimento por algo de bom que me tenha acontecido no dia anterior. Por menor que pareça...

 

Obrigada por ter passado a ponte 25 de Abril, sem trânsito e em menos de 20 minutos! (convenhamos que é quase um milagre)

 

Acho importante perceber e lembrar-me diariamente que tenho muito por que agradecer. Tenho tantas coisas boas que me sinto na obrigação e dever de estar bem disposta e de bem com a vida, todos os dias. Aqui fica mais uma música muito a propósito de post de hoje.

 

http://www.youtube.com/watch?v=tIn8yAViam4

 

E também... Obrigada por TU leres este post!

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 23:58



Mais sobre mim

foto do autor


Arquivo

  1. 2016
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2015
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2014
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2013
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2012
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2011
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2010
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D